Porque no mundo

Octavio Vazquez, Compositor

Composição/Recriação moderna

Read musical score Read musical score

Musicians involved

Compositor: Octavio Vazquez
Contínuo (violoncelo ou outro semelhante e "harpsichord ou lute" ou outro instrumento polifónico que possa assegurar a harmonia): Intérprete desconhecido
Canto (baixo): Intérprete desconhecido
Canto (tenor ou contralto): Intérprete desconhecido
Canto (soprano ou contralto ou contratenor): Intérprete desconhecido


No audio available



Original cantiga Porque no mundo mengou a verdade

Porque no mundo mengou a verdade,
punhei um dia de a ir buscar,
e, u por ela fui [a] preguntar,
disserom todos: - Alhur la buscade,
ca de tal guisa se foi a perder
que nom podemos en novas haver,
nem já nom anda na irmaindade.
Nos moesteiros dos frades negrados
a demandei, e disserom-m'assi:
- Nom busquedes vós a verdad'aqui,
ca muitos anos havemos passados
que nom morou nosco, per bõa fé,
[nem sabemos u ela agora x'é,]
e d'al havemos maiores coidados.
E em Cistel, u verdade soía
sempre morar, disserom-me que nom
morava i havia gram sazom,
nem frade d'i já a nom conhocia,
nem o abade outrossi, no estar,
sol nom queria que foss'i pousar,
e anda já fora d[a] abadia.
Em Santiago, seend'albergado
em mia pousada, chegarom romeus.
Preguntei-os e disserom: - Par Deus,
muito levade'lo caminh'errado!
Ca, se verdade quiserdes achar,
outro caminho convém a buscar,
ca nom sabem aqui dela mandado.