Search in glossary
  (line 2)

Rui Fernandes de Santiago


Se vos nom pesar ende,      ←
 madr', irei u m'atende      ←
       meu amigo no monte.      ←
  
Irei, se Deus vos valha,      ←
5por nom meter em falha      ←
       meu amigo no monte.      ←
  
E filhe-xi-vos doo      ←
como m'atende soo      ←
       meu amigo no monte.      ←



 ----- Increase text size ----- Decrease text size

General note:

A moça diz à sua mãe que irá ter com o seu amigo no monte, onde ele a aguarda. E justifica-se dizendo que não o quer enganar e apelando à compaixão da mãe para com o coitado, que está, solitário, à sua espera. No entanto, como faz notar Arias Freixedo1, este pedido que a moça faz à mãe não deixa de ser insólito: não só o lugar de encontro, o monte, é inusitado, como o adjetivo soo é pleno de ambiguidade (no seu conjunto, tratar-se-ia da "mellor das circunstancias posíbeis para o encontro amoroso co amigo", como escreve o investigador galego).

References

1 Arias Freixedo, Xosé Bieito (2010), As cantigas de Roi Fernandíz, clérigo de Santiago, Universidade de Vigo.
      Go to web page




General note


Description

Cantiga de Amigo
Refrão
Cobras singulares
(Learn more)


Manuscript sources

B 927, V 515

Cancioneiro da Biblioteca Nacional - B 927

Cancioneiro da Vaticana - V 515


Musical versions

Originals

Unknown

Contrafactum

Se vos no pesar ende 

Versão de Higini Anglès

Modern Composition or Recreation

Unknown