Pesquisa no glossário
  (linha 19)

Paio Gomes Charinho


Coidava-m'eu, quand'Amor nom havia,      ←
que nom podess'el comigo poder;      ←
mais, pois lo hei, já o nom cuidaria,      ←
ca me nom sei nem posso defender.      ←
5E, porque soub'esto de mi Amor,      ←
fezo-m'el que amasse tal senhor      ←
em que me bem mostrass'o seu poder.      ←
  
E de guisa mi o mostrou, que queria      ←
ante mia mort'hojemais ca viver,      ←
 10ca sofro coitas qual nom sofreria.      ←
Mas hei-as, mal que me pês, de sofrer;      ←
ca de guisa me tem vençud'Amor      ←
que, se Deus ou gram mesura nom for      ←
de mia senhor, poss'em coita viver.      ←
  
15Mais esta mesura, como seria      ←
de mia senhor? Ca nom lh'ouso dizer      ←
que me valha, ca sei ca me diria      ←
que me quitasse bem de a veer;      ←
e por aquesto, bem sei que Amor      ←
20me faria cada dia peor      ←
se lho dissess' - e non'ouso dizer.      ←



 ----- Aumentar letra ----- Diminuir letra

Nota geral:

Se, no tempo em que não amava, o trovador pensava que nunca o Amor teria qualquer poder sobre ele, agora já não pensaria o mesmo, pois ama e vê que não se consegue dele defender. Mas terá sido por conhecer a sua opinião anterior que o Amor o fez apaixonar-se por uma senhora através da qual lhe poderia demonstrar o seu poder.
E mostrou-lho de tal maneira que hoje preferiria morrer, tal é o seu sofrimento. Um sofrimento que terá de suportar, a não ser que Deus ou a cortesia da sua senhora venham em seu auxílio.
Na última estrofe, no entanto, ele interroga-se: como poderia ela mostrar-lhe essa cortesia se ele nem sequer ousa pedir-lhe ajuda? E não ousa porque desconfia que ela lhe diria para deixar de a ver, o que aumentaria ainda mais o seu sofrimento.
Como explicamos na nota ao v. 15 (M), é possível que falte uma estrofe à composição (aparentemente transcrita na margem do manuscrito, mas muito difícil de ler).



Nota geral


Descrição

Cantiga de Amor
Mestria
Cobras uníssonas
Palavra(s)-rima: (v. 5 de cada estrofe)
Amor
Dobre: (vv. 2 e 7 de cada estrofe)
poder (I), viver (II),
(Saber mais)


Fontes manuscritas

A 250

Cancioneiro da Ajuda - A 250


Versões musicais

Originais

Desconhecidas

Contrafactum

Desconhecidas

Composição/Recriação moderna

Desconhecidas