Pesquisa no glossário
  (linha 19)

Pero da Ponte


De Sueir'Eanes direi      ←
como lhe de trobar avém:      ←
nõn'o baralha el mui bem      ←
 nem ar quer i mentes meter;      ←
 5mais desto se pod'el gabar:      ←
que, se m'eu faço bom cantar,      ←
a ele mi o soio fazer.      ←
  
Pero - cousa que eu bem sei -      ←
nom sab'el muito de trobar,      ←
10mais em tod'aqueste logar      ←
nom poss'eu trobador veer      ←
tam venturad'e[m] ũa rem:      ←
se algum cantar faz alguém,      ←
de lhi mui cantado seer.      ←
  
 15Ca lhi trobam em tam bom som      ←
que nom poderiam melhor;      ←
e por est'havemos sabor      ←
de lhi sas cantigas cantar;      ←
mais al vos quer'eu del dizer:      ←
20quem lh'aquesta manha tolher      ←
bem assi o pode matar.      ←



 ----- Aumentar letra ----- Diminuir letra

Nota geral:

Nova chacota ao pseudo-trovador Sueiro Eanes: não faz trovas que se aproveitem, mas pode-se gabar de estar na origem das melhores trovas que se fazem no reino. Se de Sueiro Eanes não temos, na verdade, qualquer composição, pelo menos mais três destas cantigas satíricas que o tomam como alvo chegaram até nós.



Nota geral


Descrição

Cantiga de Escárnio e maldizer
Mestria
Cobras singulares
(Saber mais)


Fontes manuscritas

B 1645, V 1179

Cancioneiro da Biblioteca Nacional - B 1645

Cancioneiro da Vaticana - V 1179


Versões musicais

Originais

Desconhecidas

Contrafactum

Desconhecidas

Composição/Recriação moderna

Desconhecidas