João Vasques de Talaveira, Pedro Amigo de Sevilha


- Ai, Pedr'Amigo, vós que vos teedes
por trobador, agora o verei
eno que vos ora preguntarei
e no recado que mi tornaredes:
5nós que havemos mui bom rei por senhor,
e no-lo alhur fazem emperador,
dizede-mi ora quant'i entendedes.
  
- Joam Vaásquiz, pois me cometedes,
direi-vos eu quant'i entend'e sei:
10pois nós havemos aquel melhor rei
que no mund'há, porque nom entendedes
que o seu prez e o seu valor
todo noss'é, pois emperador for?
O demo lev'o que vós i perdedes!
  
15- Ai, Pedr'Amigo, eu nom perderia
em quant'el-rei podesse mais haver
em bõa terra e em gram poder,
 ca quant'el mais houvesse, mais valria;
mais perde o rein'e vós perdedes i,
20os que sem el ficaredes aqui,
pois que se el for d'Espanha sa via.
  
- Joam Vaásquiz, eu bem cuidaria
que o reino nom há por que perder
por el-rei nosso senhor mais valer,
25ca rei do mund'é, se se vai sa via!
Valrá el mais, e nós [já] per el i;
de mais quis Deus que tem seu filh'aqui,
que se s'el for, aqui nos leixaria!
  
- Ai, Pedr'Amigo, pois vos já venci
30desta tençom que vosco cometi,
nunca ar migo filhedes perfia.
  
- Joam Vaásquiz, sei que nom é 'ssi
desta tençom, ca errastes vós i
e dix'eu bem quanto dizer devia.



 ----- Diminuir letra

Nota geral:

Tenção que tem como tema os longos e malogrados esforços de Afonso X para aceder à coroa do Sacro Império Romano-Germânico. Ao contrário do habitual, esta tenção não é satírica - bem pelo contrário, é antes um panegírico que os dois intervenientes fazem ao seu rei. De qualquer forma a "discussão" que desenvolvem (e na qual ambos estão basicamente de acordo, um receando perder tam bom rei, outro congratulando-se com a honra que Espanha receberia) é um dos poucos testemunhos diretos de um dos temas políticos centrais do reinado de Afonso X - e que, com esta exceção, os trovadores parecem ignorar.
A composição, como se depreende das alusões à partida iminente do rei, datará provavelmente de 1274, quando Afonso X se preparava para ir a Beaucaire negociar pessoalmente a questão com o papa Gregório X. Acrescente-se que as conversações entre ambos tiveram lugar entre maio e julho do ano seguinte, mas foram infrutíferas, acabando o monarca castelhano por renunciar definitivamente às suas aspirações ao cargo.



Nota geral


Descrição

Tenção
Mestria
Cobras doblas
Finda (2)
(Saber mais)


Fontes manuscritas

B 1550

Cancioneiro da Biblioteca Nacional - B 1550


Versões musicais

Originais

Desconhecidas

Contrafactum

Desconhecidas

Composição/Recriação moderna

Desconhecidas