Pesquisa no glossário
  (linha 17)

Martim Soares


Quantos entendem, mia senhor,      ←
a coita que me por vós vem      ←
e quam pouco dades por en,       ←
todos maravilhados som      ←
5de nom poder meu coraçom      ←
per algũa guisa quitar,      ←
por tod'esto, de vos amar.      ←
  
Maravilham-se, mia senhor,      ←
e eu deles, por nẽum bem       ←
10desejarem de nulha rem      ←
eno mundo, se de vós nom,      ←
se lhes Deus algũa sazom      ←
aguisou de vo-lhes mostrar,      ←
ou d'oírem de vós falar.      ←
  
15Ca se vos virom, mia senhor,      ←
ou vos souberom conhocer,       ←
Deus! com'ar poderom viver      ←
eno mundo jamais des i      ←
senom coitados, come mim,      ←
20de tal coita qual hoj'eu hei      ←
por vós, qual nunca perderei?      ←
  
Nen'a perderá, mia senhor,      ←
quem vir vosso bom parecer,       ←
mais converrá-lh'ena sofrer,      ←
25com'eu fiz, des quando vos vi;      ←
e o que nom fezer assi,      ←
se disser ca vos viu, bem sei      ←
de mim ca lho nom creerei.      ←
  
Mais creer-lh'-ei a quem leixar      ←
30tod'outro bem, por desejar      ←
vós, que sempre desejarei.      ←



 ----- Aumentar letra ----- Diminuir letra

Nota geral:

O trovador garante à sua senhora que todos os que conhecem o seu sofrimento e a pouca importância que ela lhe dá se espantam de ele não conseguir deixar de a amar.
Mas se eles se espantam, o trovador garante que também se espanta com o facto de não a desejarem acima de todas as coisas aqueles que em algum momento a conheceram ou ouviram falar dela. Pois, nesse caso, como poderiam viver, senão tão amargurados como ele? Quem viu a sua beleza inevitavelmente ficará subjugado, e deverá, tal como ele, preparar-se para suportar a dor. Por isso mesmo, aqueles que garantem tê-la conhecido e não sofrem, estão a mentir. Pois o trovador só acreditará que a conheceram efetivamente aqueles que tudo deixem por ela, como ele.



Nota geral


Descrição

Cantiga de Amor
Mestria
Cobras doblas (rima a uníssona)
Palavra(s)-rima: (v. 1 de cada estrofe)
mia senhor
Palavra perduda: v. 1 de cada estrofe
Finda
(Saber mais)


Fontes manuscritas

A 55, B 167

Cancioneiro da Ajuda - A 55

Cancioneiro da Biblioteca Nacional - B 167


Versões musicais

Originais

Desconhecidas

Contrafactum

Desconhecidas

Composição/Recriação moderna

Desconhecidas