Cantiga referida em nota


Lourenço


Ũa moça namorada
dizia um cantar d'amor,
e diss'ela: "Nostro Senhor,
hoj'eu foss'aventurada
5       que oíss'o meu amigo
       com'eu este cantar digo".
  
A moça bem parecia
e em sa voz manselĩa
cantou e diss'a menĩa:
10"Prouguess'a Santa Maria
       que oíss'o meu amigo
       com'eu este cantar digo".
  
Cantava mui de coraçom
e mui fremosa estava,
15e disse, quando cantava:
"Peç'eu a Deus por pediçom
       que oíss'o meu amigo
       com'eu este cantar digo".



 ----- Aumentar letra ----- Diminuir letra

Nota geral:

Pequeno quadro de uma moça enamorada cantando uma cantiga de amor e desejando que o seu amigo a escutasse.
Eventualmente ele escutou-a e fez-lhe este retrato terno e lisonjeiro.
Na cantiga seguinte assistimos a um quadro semelhante, mas aí num retrato de grupo, já que a moça surge com mais duas companheiras.



Nota geral


Descrição

Cantiga de Amigo
Refrão
Cobras singulares
(Saber mais)


Fontes manuscritas

B 1261, V 866

Cancioneiro da Biblioteca Nacional - B 1261

Cancioneiro da Vaticana - V 866


Versões musicais

Originais

Desconhecidas

Contrafactum

Desconhecidas

Composição/Recriação moderna

Unha moça namorada      versão audio disponível

Versão de Amancio Prada

Canção do Marinheiro      versão audio disponível

Versão de Heitor Villa-Lobos