Pero de Berdia


Deu'lo sabe, coitada vivo mais ca soía,
ca se foi meu amigo, e bem vi, quando s'ia,
       ca se perderia migo.
  
E dissera-lh'eu, ante que se de mim quitasse,
5que se veesse cedo, e, se alá tardasse,
       ca se perderia migo.
  
E dissera-lh'eu, ante que se de mim partisse,
que, se muito quisesse viver u me nom visse,
       ca se perderia migo.



 ----- Aumentar letra ----- Diminuir letra

Nota geral:

A moça está desolada: quando o seu amigo se foi embora, ela disse-lhe para regressar rapidamente, porque, se se demorasse, estaria tudo acabado. E receia que aconteça isso mesmo.



Nota geral


Descrição

Cantiga de Amigo
Refrão
Cobras singulares
(Saber mais)


Fontes manuscritas

B 1120, V 711
(C 1120)

Cancioneiro da Biblioteca Nacional - B 1120

Cancioneiro da Vaticana - V 711


Versões musicais

Originais

Desconhecidas

Contrafactum

Desconhecidas

Composição/Recriação moderna

Desconhecidas