Dom Afonso Sanches “Filho de El-rei Dom Denis de Portugal

Tomás Borba, Compositor

Composição/Recriação moderna
Década de 20/30 do século XX

Ver pauta Ver pauta

Intervenientes

Compositor Tomás Borba
Canto


Sem audio disponível


A versão musical nunca foi gravada.

Cantiga original Muitos me dizem que servi doado

Muitos me dizem que servi doado
ũa donzela que hei por senhor;
dizê-lo podem, mais, a Deus loado,
poss'eu fazer quem quiser sabedor
que nom é 'ssi, ca, se me venha bem,
nom é doado, pois me deu por en
mui grand'afã e desej'e cuidado,
que houvi dela, poila vi, levado,
per que viv'eu, amigos, na maior
coita do mundo, ca, mao pecado!,
sempr'eu houve por amar desamor;
de mia senhor tod'este mal me vem,
[e] al me fez peior, ca me fez quem
servo servir e nom seer amado
por en; mais eu, que mal dia fui nado,
houvi a levar aquesto da melhor
das que Deus fezo, ca nom outro grado;
al m'er avém, de que me vem peior:
senhor u Deus nunca deu mal per rem
foi dar a mim, per que perdi o sem
e por que moir'assi desemparado
de bem; que, par Deus, que m'em poder tem,
quen'a donzela vir ficará en,
com'eu fiquei, de gram coita coitado.