Peire Guilhem de Luserna
Compositor
Notas biográficas:

Natural de Luserna (que poderá ser uma localidade italiana situada no Piamonte ou a localidade provençal de Lusarne, no atual departamento francês de Basses-Alpes, os especialistas dividem-se), o certo é que Peire Guilhem está documentado sobretudo em Itália, e em relação com a corte dos Este, por volta de 1221. Um seu sirventês em que faz a defesa do imperador Frederico II da Sicília contra os Milaneses pode ser datado de 1226. Para além da cansó aqui apresentada, dele nos chegaram mais quatro composições (uma delas em defesa de Cunizza da Romano, a dama raptada por Sordelo, também datável de circa 1226).

Cantigas de Peire Guilhem de Luserna


En Sordel, e que·us es semblan

Contrafacta:

Enmentar quer'eu do brial, por Lopo Lias

Gram mal me faz agora 'l-rei, por Fernão Pais de Tamalhancos


No·m fai chantar amors ni drudaria

Contrafacta:

Eu me cuidava, quando nom podia, por Pero Garcia Burgalês

Que alongad'eu ando d'u iria, por Pero Garcia Burgalês