Afonso Lopes de Baião


O meu Senhor [Deus] me guisou
de sempr'eu já coita sofrer,
enquanto no mundo viver,
u m'El atal dona mostrou
5       que me fez filhar por senhor,
       e nom lh'ouso dizer "senhor".
  
E se Deus houve gram prazer
de me fazer coita levar,
que bem s'end'El soube guisar
10u m'El fez tal dona veer,
       que me fez filhar por senhor,
       e nom lh'ouso dizer "senhor".
  
Se m'eu a Deus mal mereci,
nom vos quis El muito tardar
15que se nom quisesse vingar
de mi, u eu tal dona vi
       que me fez filhar por senhor,
       e nom lh'ouso dizer "senhor".



 ----- Aumentar letra ----- Diminuir letra

Nota geral:

Pois Deus quis que trovador vivesse em dor e sofrimento, mostrou-lhe a sua senhora, talvez por mal dos seus pecados. Uma senhora a quem nem sequer ousa dirigir-se.



Nota geral


Descrição

Cantiga de Amor
Refrão
Cobras singulares
(Saber mais)


Fontes manuscritas

A 225, B 396, V 6

Cancioneiro da Ajuda - A 225

Cancioneiro da Biblioteca Nacional - B 396

Cancioneiro da Vaticana - V 6


Versões musicais

Originais

Desconhecidas

Contrafactum

Desconhecidas

Composição/Recriação moderna

Desconhecidas