Airas Pais
Jogral medieval


Nacionalidade: Galega

Notas biográficas:

Pela rubrica atributiva das suas cantigas de amor, sabemos que era jogral. E pela referência, numa cantiga de amigo, à ermida de Santa Maria de Reça, é provável que fosse natural de Reza, na região de Ourense, Galiza. Partindo destes dados, Resende de Oliveira1 localizou um D. Airas Pais, cidadão de Ourense, que, em 1284, compra, com sua mulher Urraca Anes, a renda de umas casas nesta vila, e que poderá eventualmente ser o nosso jogral. Mais seguramente, será ele o jogral Airas Pais que aparece em documentos da chancelaria de D. Sancho IV, em 1293. Ainda segundo Resende de Oliveira, que cita Menéndez Pidal, teria seguidamente passado à corte de Navarra, e posteriormente à de Aragão (1303/1304).


Referências

1 Oliveira, António Resende de (1994), Depois do espectáculo trovadoresco. A estrutura dos cancioneiros peninsulares e as recolhas dos séculos XIII e XIV, Lisboa, Edições Colibri.

Ler todas as cantigas (por ordem dos cancioneiros)


Cantigas (por ordem alfabética):


Dizem pela terra, senhor, ca vos amei
Cantiga de Amor

Maior guarda vos derom ca soíam, senhor
Cantiga de Amor

Por vee'lo namorado, que muit'há que eu nom vi
Cantiga de Amigo

Quer'ir a Santa Maria e, irmana, treides migo
Cantiga de Amigo